Inspiração em forma de notas e acordes

Anjo

segunda-feira, 29 de junho de 2009

Delicada, pura e singela,
Linda, amiga e sincera,
Pareces um anjo, qual a sua perfeição!
Assim que tu és...

Será que não percebes que você é a estrela que brilha mais no meu céu,
A flor mais bela do meu jardim,
O meu oásis no deserto,
Enfim, alguém especial?
Ah! Como gostaria de tê-la ...

Mas, ao mesmo tempo que estás perto, pareces estar longe...

Longe, como a lua lá no céu estrelado,
Mística, romântica, atraente, sedutora.
Lua esta que é tão bela, mas que se esconde do sol,
Misteriosamente, logo ao nascer de um novo dia.

2 externalização(ões):

Cássia disse...

Lindo o poema! Tão lindo e tão leve quanto o dono (e não é porque ele é magrinho). Só falta agora o poema ser dedicado a mim.
Beijoos Binhu! "smack" ;)

Vânia disse...

Consegue com palavras suaves e um toque de meiguice, expressar os mais belos sentimentos escondidos lá no fundinho do coração....
Parabéns Binhu! te admiro!beijos

Postar um comentário

Externalizações