Inspiração em forma de notas e acordes

Delírios num fim de tarde

quinta-feira, 18 de março de 2010

Longe se vai, ainda meus olhos não o perderam de vista,
Incerto, instável, o que ele fez?
Tem questões que nem mesmo a vida nos explica, apenas mostra
Ele ainda está perdido em si mesmo, e caminha sem direção,
Andar longe não significa crescer, mas continuar,
O que ele faz lá?
Passei a minha vida toda me perguntando por que tudo tende a andar justamente no sentido oposto do que nós anseamos,
Mas ela me respondeu : Porque a graça é viver,
Eu não sei até onde isso é real ou maginário,
fato ou sonho, mas eu sei que o horizonte é sempre distante,
quando não o conseguimos enxergá-lo.
O homem, já não consigo mais vê-lo,
Agora ele está livre.

2 externalização(ões):

A Bailarina disse...

"Espíritos são livres, espíritos passeiam por aqui."

=*

' Cíntira's Castle ♪ disse...

' SImples como só a simplicidade pode simplificar:

Porque a graça é viver

,)
( Lindo)

Postar um comentário

Externalizações