Inspiração em forma de notas e acordes

A Partida

terça-feira, 25 de agosto de 2009

Tão distante o quanto se pode ver
o ressurgir do encanto do amanhecer
Levantava sóbria como nuvem clara
A neblina cinza. Cinza, bela e rara
Traziam o mistério, a beleza daquele lugar
Onde todos se punham juntos a despontar do sono
Acordem! Acordem que é chegada a hora
Acordem! Acordem que já vem a aurora
O trem que vinha soprava cinzas,
E a esperança em cada rosto se escondia,
Esse é o primeiro e ultimo trem,
esse é o bonde que nos levará além,
Além daqui, além do mundo,
Esse é o trem que mudará a sorte,
Esse é o trem que transcenderá a morte.
E com as bagagens, cheias de experiências,
entraram ali, machos, crianças, fêmeas,
Naquele trem que reluzia ouro,
E que levava em cada um o tesouro,
E cortando a manhã, partiu desenfreado,
destinado a um lugar que é melhor que aqui.

1 externalização(ões):

Menina X. disse...

Caraca!Muito bom o textoo..eu gostei muito viuuu,perfeeeito demais ;*

Postar um comentário

Externalizações